Cadeias

Cadeias

person

O Brasil está repleto de condenados e está totalmente deficiente de cadeias. Primeiro, quando digo cadeias quero dizer lugar de cumprimento de penas e não lugar de deprimente escola de formação superior para delinquentes.

Segundo, o Estado - dividido em seus vários poderes, Judiciário, Legislativo e Executivo - , não executa seu serviço em harmonia, buscando, cada um desses poderes, exercer sua prestação a seu bel talante , muito embora a existência de Leis, normas, etc. e etc.

É, com todo respeito, uma disputa de beleza, onde cada um desses poderes se acha maior, melhor e, acima de tudo, o dono da situação. O que, na realidade, é de uma pobreza de dar dó.

Terceiro, todo País que se diga honesto e que tenha acima de tudo respeito aos seus cidadãos, deveria colocar a educação em primeiro lugar em todas as agendas. Isso porque somente a educação conduz o ser humano a algum lugar, ao menos mais tolerável.

Até ouso dizer que dever-se-ia valorizar muito mais os professores, com bons recursos, com melhor formação e com tecnologias avançadas, inclusive em áreas humanas e psicológicas, para atender não a periferia do indivíduo, mas seu caráter, sua personalidade.

Melhor seria pagar o salário de um Juiz para um professor e o salário de um professor para um Juiz, pois aquele evitaria que este viesse a condenar pessoas desnorteadas.