>Feira do Livro evento abre no sábado

Feira do Livro evento abre no sábado

Literatura

Guaíba começa na tarde deste sábado, 5 de maio, a 29a Feira do Livro que tem como patrono o escritor Dilan Camargo.  Durante sete dias, escritores locais e convidados estarão conversando com o público. Nas bancas, o leitor poderá encontrar diversas opções de livros com descontos especiais. Além do contato com os escritores e livros, o público poderá conferir alguns espetáculos de teatro e musicais. Entre eles, o grupo Roda Viva, que estará no palco  principal, neste sábado, 5, ás 19h30min, interpretando  músicas de  Chico Buarque.  Confira a programação dos primeiros dias ao lado e a entrevista com o patrono Dilan Camargo.O que representa na vida do escritor ser patrono da feira de Guaíba?
Primeiro, o reconhecimento literário de ser o patrono de uma das mais importantes feiras do livro do nosso Estado. De uma cidade histórica, de grande expressão econômica, cultural, social. Guaíba é a vizinha mais bonita de Porto Alegre. Os porto-alegrenses a olham com olhos enamorados.
É também, uma oportunidade de valorização da literatura escrita para crianças e jovens. Escrevo de modo predominante para o público infantil e juvenil, embora também para o público adulto, com livros de poemas, peças de teatro, letras de músicas, crônicas.
Escolher como patrono um escritor que representa esse segmento importantíssimo de pequenos leitores é uma forma de lançar uma luz sobre a indispensável participação da família e da escola na valorização da leitura literária e da formação de novos leitores.
Estás lançando livros novos neste ano?
Neste ano já lancei, junto com a Patrícia Langlois, o livro “A Cidade do Ventos” para o público infanto-juvenil. Vou lançá-lo na feira, aí em Guaíba. Estou também fazendo o relançamento do livro “Rimas pra cima”.
Vou lançar, ainda sem data prevista, um livro de poemas para o público adulto, “A Arte do Medo”, com poemas duros e graves sobre a situação de violência que infelicita o nosso país.
Qual expectativa?
A de poder estar divulgando e promovendo o livro, a leitura, o diálogo, a ampliação da nossa visão de mundo, na busca de uma sociedade solidária, livre, justa e humanizada. O sonho de ver alguém, enfim, descobrir o livro da sua vida. Todos nós temos um livro da nossa vida. E quem lê, cria e escreve a própria história com um pouco mais de consciência e beleza.
A minha expectativa é que a comunidade, as escolas e as famílias participem e apóiem a Feira do Livro. Que a feira seja um ponto de encontro e de celebração da cultura, da civilização, da literatura, e das artes.
Qual tua relação com a cidade?
Já participei, como autor convidado, em várias edições da feira do livro. Então, minha relação é com leitores, com escolas, com pessoas que compartilham o prazer de ler, o compromisso de criar e de escrever. Minha relação com Guaíba será fortalecida agora que vou inscrever na minha história essa honra de ter sido patrono. Desfruto da alegria de suceder o patrono da feira passada, o extraordinário poeta e evoluído ser humano Armindo Trevisan.
Vou estar na companhia de amigos escritores como Alcy Cheuiche, Walter Galvani e Altair Martins que já foram patronos. O Altair é um dos mais reconhecidos escritores da literatura brasileira contemporânea.
Em época de redes sociais, qual a importância da leitura?
Através da internet, a palavra escrita ganhou em expressão, velocidade, e amplitude de leitores. Até alguns anos, a palavra escrita era divulgada e lida apenas em livros, jornais e revistas. Hoje, através de um celular, qualquer pessoa pode postar a sua escrita, literária ou opinativa, e absolutamente sem censura. Pode escrever para o mundo. Esta revolução da escrita e da leitura “postada” está apenas começando.
Nunca se escreveu e se leu tanto. Então, não há conflito nem incompatibilidade entre a palavra escrita e os meios eletrônicos. Precisamos é aprender em que fontes podemos acreditar e confiar. Essa é a questão central da comunicação em nossos dias. Há uma produção quase infinita de conteúdos para se ler pela internet. O que é verdade e o que é mentira? A leitura de livros ainda é a mais confiável.

Programação até quinta-feira

Sábado/05 de maio
13h: Abertura das Bancas
15h: Escritora Debora Jardim
15h30: Sessão de Autógrafos: As Aves Solitárias da Poesia - Renato Isquierdo
17h00: Apresentação João Medeiro
18h: Reunião do Conselho de Cultura
19h30: Banda Roda Viva

Domingo/06 de maio
10h: Yoga com Sabrina Abdriotti
13h: Abertura das Bancas
14h30: Sessão de Autógrafos: Hey, Panda - Ivan Bitencourt
15h: Contação de Histórias com Mariany Souza Barbosa
15h: Sessão de Autógrafos: Catulo Fernandes
15h30: Espetáculo - O Brasil Pequeno/ Genifer Gerdarht (Palco Principal)
16h: Roda de Capoeira (Praça)
16h30: Escritor Catulo Fernandes
17h: Oficina Teatro Jornal/ Grupo Teatro Popular Comparsaria das Façanhas
17h: Painel - Escritores Guaíbenses
18h: Programa de Rádio a Hora do Verso - Programa Especial de Primeiro Aniversário da Rádio Regional.net

Segunda-feira/ 07 de maio
8h30: Abertura das Bancas
9h: Escritora Chris Dias
10h: Espetáculo - Os Mensageiros/ Rudinei Morales
10h30: Escritor Infantojuvenil Ivan Bitencourt
13h30: Escritora Chris Dias
14h30: Espetáculo - Os Mensageiros/ Rudinei Morales
15h30: Espetáculo - Bem te Vida Marmotta/ Lia Motta
18h30: Abertura Oficial - com a presença do Patrono Dilan Camargo
19h30: Espetáculo - Anexo Secreto/ Raiar Produções

Terça-feira/ 08 de maio
8h30: Abertura das Bancas
9h: Escritora - Léia Cassol
10h: Espetaculo - O Maravilhoso Mágico de OZ/ Raiar Produções
10h30: Escritor Alexandre Brito
13h30: Escritora Léia Cassol
14h30: Espetáculo - O Maravilhoso Mágico de OZ
19h30: Sarau poesia de onde vem e para onde vai: Ricardo Silvestrin ,Lucas Krüger, Cristian Verardi e Celso Gutfreind

Quarta-feira/ 09 de maio
8h30: Abertura das Bancas
9h: Escritor - André Neves
10h: Espetáculo - A Flautinha Encantada/ Grupo Quiquiprocó
09h às 12h: Projeto Kombina
13h30: Escritor André Neves
14h30: Espetáculo - A Flautinha Encantada/ Grupo Quiquiprocó
14h às 18h30: Projeto Kombina
19h: Sessão de Autógrafos: “Guaíba: Outra Margem” - Leandro André
19h30: Espetaculo Musical - Luis Arthur Seidel e Maria Fernanda Costa.

Quinta-feira/ 10 de maio
8h30: Abertura das Bancas
9h: Escritora - Jane Tutikian
10h: Espetáculo - As aventuras do Pequeno Principe/ Raiar Produções
10h30: Escritor Antonio Schimeneck
13h30h: Escritora - Jane Tutikian
14h30: Espetáculo - As aventuras do Pequeno Principe/ Raiar Produções
15h30: Espetáculo - Bem te Vida Marmotta/ Lia Motta
19h30: Talk Show com Martha Medeiros

OS PATRONOS

Maria Dinorah - 1987
Sérgio Caparelli - 1988
Mery Weiss - 1989
Carlos Urbim - 1990
Jerônimo Jardim - 1991
Paixão Côrtes - 1992
Dilamar Machado - 1993
Fernando Worm - 1994
Moacyr Scliar - 1998
Luis A. Assis Brasil - 1999
Walter Galvani - 2000
Carlos Urbim - 2001
Mario Pirata - 2002
Carlos Sant’Ana - 2003
Altair Martins - 2004
Marô Barbieri - 2005
David Coimbra - 2006
Leia Cassol - 2007
Luis Coronel - 2008
Tabajara Ruas - 2009
Caio Ritter - 2010
Jane Tutikian - 2011
Andre Neves - 2012
Marcelo C.da Cunha - 2013
Luis F.Verissimo - 2014
Alcy Cheuiche - 2015
Tailor Diniz-2016
Armindo Trevisan-2017
Dilan Camargo-2018