>Lixo Extraordinário abre mostra CineSesc

Lixo Extraordinário abre mostra CineSesc

Cinema em Guaíba

Nesta segunda-feira, 26, no auditório Cine Teatro Gomes Jardim, no Instituto Estadual de Educação Gomes Jardim em parceria com CineSesc, retoma o projeto Sala de Cinema de Guaíba, com opção de filmes da a comunidade de Guaíba e região. A retomada do projeto contará com a exibição do filme Lixo Extraordinário e do curta “Espírito das Águas” , com direção e roteiro de Gustavo Arruda e Gustavo Fonseca . O curta é uma viagem sensorial pela natureza e cultura da Várzea do Canal São Gonçalo. Situada entre os municípios de Pelotas e Rio Grande, a região é palco de histórias sobre a força das águas e como elas influenciaram a ocupação dessas margens. O vídeo teve o patrocínio da CMPC.
Já documentário Lixo Extraordinário acompanha durante dois anos o desdobramento do trabalho do artista plástico Vik Muniz no maior aterro sanitário do mundo, no Jardim Gramacho, município de Duque de Caxias, Rio de Janeiro. A proposta inicial do artista era produzir retratos dos catadores que trabalham no aterro, mas acaba ganhando outra dimensão devido à maneira profunda e sensível com que Vik Muniz se relaciona com seus retratados.
Lixo Extraordinário é um filme que mostra o estatuto da arte e a questão do lixo na sociedade contemporânea, o árduo trabalho realizado pelos catadores e a possibilidade de transformação que a mudança da percepção artística pode proporcionar.
Curiosidades
Vik Muniz, paulista que vive em Nova York, é um dos artistas contemporâneos mais caros do momento.
O filme ganhou alguns dos mais importantes festivais do mundo, entre eles o Sundance, onde recebeu o Prêmio do Júri Popular como Melhor Documentário Internacional. Na mostra Panorama do Festival de Berlim recebeu a mesma premiação.
Em 2011, o filme também concorreu ao Oscar de melhor documentário.
Sebastião Carlos dos Santos, o Tião, fundador e presidente da Associação de Catadores de Material Reciclável do Jardim Gramacho, esteve presente tanto no Festival de Berlim quanto no Oscar. Na Alemanha foi ovacionado pela exigente plateia do festival.
O aterro do Gramacho também foi cenário para outro documentário brasileiro, Estamira, de 2004.
Lixo Extraordinário
Gênero: Documentário
Duração: 90 minutos
Lançamento: 2010
Produção: Brasil / Reino Unido
Classificação etária: Livre

Ficha técnica:
Direção: Lucy Walker / Codireção:
João Jardim e Karen Harley