>Os 30  anos do Caisinho

Os 30 anos do Caisinho

Almanaque Folha

Um dos principais pontos da gastronomia e do turismo da cidade, o Caisinho Restaurante, completa 30 anos. O bar foi construído em 1989 pela família Stringhini. Com o passar do tempo passou por alguns administradores. Ele foi locado inicialmente para Adair Sirtuli, Odélia Guimarães e atualmente está sob a direção do casal Carlinhos Gulo e Maria Luiza.
O nome Caisinho surgiu em virtude do local ser um cais no início do século passado. Pelo pequeno porto escoavam mercadorias das cidades da região que tinham como destino Porto Alegre. Conforme escrituras, no dia 25 de janeiro de 1917, Oscar Bier e Frederico dos Reis venderam a área para Maria Conceição Leite. Mais tarde a filha de Maria Conceição, Marieta Abrantes, casada com Jardelino Abrantes, vendeu para Arlindo Stringhini no dia 20 de outubro de 1955. Conforme o ex-prefeito, Manoel Stringhini, durante um período, o local sediou o Clube Aliança, que tinha bolão e fazia festas de carnaval. A área foi legalizada em 10 de junho de 1975. O terreno tem escritura e paga impostos. Em 1989, a filha de Stringhini, Cláudia e o marido Nelson Foques, construiram o bar. Em matéria já publicada neste espaço, o ex-prefeito escalrece que a área não é da ‘Marinha’ e sim de ‘Marinha’, como são os terrenos na rua Marcos de Andrade ou início da rua São Geraldo voltados para o lago Guaíba. Caso um dia a Marinha precisar da área, poderá usá-la devendo apenas pagar as benfeitorias realizadas.